quinta-feira, 6 de outubro de 2016

Vila Franca de Xira: Desilusão Ganadera!

Vila Franca de Xira, 4 de Outubro 2016
Por: Catarina Bexiga

Desilusão ganadera! É a expressão que melhor classifica a noite de ontem na Palha Blanco. O mano-a-mano entre as ganadarias Palha e Canas Vigouroux esteve longe de entusiasmar. De apresentação, o sexto esteve à altura do desafio. De comportamento, os cinqueños de Palha saíram complicados; e os de Canas Vigouroux com falta de raça. Desilusão, repito!

As más intenções do primeiro Palha da noite, colocou em apuros António Ribeiro Telles por várias ocasiões. Uma actuação para esquecer. Com o quarto, António reencontrou-se por momentos. O de Canas Vigouroux não se empregou, mas o quinto curto com o “Alcochete”, em que provocou, de verdade, foi um grande ferro.

Duarte Pinto também sentiu na pele o fiasco ganadero. Com de Palha, troton, andou eficaz com o “Cesário”. E com o de Canas Vigouroux, reservado no momento do ferro, deu importância aos compridos com o “Espectáculo” (aliás, de saída foi o único que teve essa preocupação) e andou intencional com o “Visconde”. Porém, o esforço não teve recompensa.

Francisco Palha foi bafejado pela sorte em termos ganaderos. Tocou-lhe os dois toiros com menos problema, de ambas as ganadarias. Viu-se com altos e baixos com o de Palha montado no “Roncalito”; e mais consistente com o de Canas Vigouroux  montado na “Duquesa”.


Noite exigente para os Amadores de Vila Franca de Xira. Foram caras, o cabo Ricardo Castelo numa grande pega à primeira tentativa, seguindo-se Emanuel Matos à segunda em noite de despedida (no toiro anterior dera uma grande primeira ajuda), Francisco Faria também à segunda, Vasco Pereira à quarta, Rui Godinho numa outra grande pega à primeira, e a encerrar Marco Ventura dobrou David Moreira. Noite dura, mas superada.