segunda-feira, 22 de agosto de 2016

NAZARÉ: UM ROUXINOL DO TAMANHO DO MAR

Nazaré, 20 de Agosto 2016
Por: Catarina Bexiga

Uma terra cheia de encantos, de varinas e pescadores, onde a Festa de Toiros também marca presença todos os verões. Mas de encantar não foram os toiros enviados pelo ganadero Nuno Casquinha para a castiça arena, os dois primeiros adiantaram-se aos cavalos, o quarto revelou-se o melhor do curro, mas foi preciso muita decisão por parte dos cavaleiros para superar as adversidades.

O primeiro da noite deixou no ar, inclusive, um clima de preocupação. Mas Luís Rouxinol não se apavorou. Reagiu. Com determinação e valentia. Com experiência e argumentos. Montado na “Viajante” acreditou. Grande actuação. Grande mérito. É caso para dizer que Rouxinol esteve do tamanho do mar… Gigante!

Melhor sorte não teve Ana Batista, com mais um toiro perigoso e complicado. Com ofício, resolveu os problemas. Miguel Moura pôs querer na sua actuação; João Salgueiro da Costa e o praticante Parreirita Cigano andaram irregulares; e o também praticante Luís Rouxinol Jr. assinou uma actuação em crescendo.

Pelos Amadores de Lisboa pegaram João Luís à primeira, Pedro Gil à segunda e João Varanda à primeira. Pelos Amadores do Ribatejo concretizaram Rafael Costa à primeira, João Oliveira à terceira e Dário Silva à primeira. E também eles encararam a noite com determinação e valentia...